Pensamento Político

Site do Laboratório de Pensamento Político – PEPOL/Unicamp

Intelectuais rebeldes: política e cultura em Antonio Gramsci e Piero Gobetti

Está disponível para download a Tese de Doutorado escrita por Daniela Mussi, que é pesquisadora do GPMPP.

MUSSI, Daniela X. H. Intelectuais rebeldes: política e cultura em Antonio Gramsci e Piero Gobetti. Tese de Doutorado (Ciência Política) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas, 2015.

Resumo: A tese investiga o tema da política e da cultura no pensamento de dois intelectuais italianos, o socialista Antonio Gramsci e o liberal Piero Gobetti, no primeiro pós-guerra. Procura-se reconstruir o ambiente político e cultural a partir do qual estes dois intelectuais se formaram e atuaram, especialmente na cidade de Turim, e os contornos das principais polêmicas nas quais se envolveram nos anos que antecederam a ascensão do fascismo. Em especial, a tese busca identificar, na vida editorial e jornalística que mantiveram, o ritmo de pensamento de ambos, destacando como cada um interpretou o desenvolvimento da cultura e política neoidealista e socialista na Itália, assim como reagiram ao avanço das lutas populares, na Itália e internacionalmente, especialmente depois de 1917. Com isso, propõe caminhos possíveis para compreensão de uma contraditória e viva relação intelectual entre Gramsci e Gobetti, na qual as diferenças se convertem muitas vezes em complementaridade e mesmo autorreconhecimento. Recupera, por fim, o complexo percurso destes dois intelectuais rebeldes, que compartilharam tanto a rejeição à tradição intelectual italiana como à acomodação política, dois componentes fundamentais do regime fascista que se conformaria em seguida.

Disponível em <http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000958202>

Comments are currently closed.